Seguidores

domingo, 18 de setembro de 2011

MG - Governo garante prêmio produtividade para servidor estadual, mas não antecipa calendário

Governo garante prêmios, mas não antecipa calendário

Uma semana depois de ter iniciado as negociações que visam aumentar o orçamento dos três poderes, o Governo de Minas informou ontem que vai esticar o prazo do pagamento do chamado prêmio por produtividade.
Tradicionalmente, o bônus é depositado na conta do servidor estadual no quinto dia útil do mês de setembro ou no mais tardar em outubro.
Apesar de ter garantido o recebimento do recurso, o Governo informou não ter uma data definida para o repasse.
Por meio de assessoria de imprensa, a secretária de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena, informou que o prêmio será pago no segundo semestre. Tem direito ao bônus os servidores públicos efetivos, designados, concursados e contratos que trabalharam pelo menos 90 dias em 2011.

Complemento salarial, o prêmio por produtividade foi instituído por meio da Lei 17.600, promulgada durante o Governo do senador Aécio Neves (PSDB), em 2008. O objetivo é estimular os servidores a perseguirem resultados e, de quebra, inflar os rendimentos mensais.

Cerca de 300 mil servidores públicos de Minas foram contemplados com o prêmio no ano passado. Na ocasião, o Governo cogitou dobrar o valor pago, mas acabou recuando da ideia. O governador Antonio Anastasia (PSDB) deixou claro que todo tipo de pagamento está vinculado à receita do Estado.

O benefício é proporcional aos dias trabalhados. O pagamento, no entanto, é condicionado à disponibilidade de caixa no orçamento estadual. É preciso que o Governo tenha registrado no ano anterior um resultado fiscal positivo.
 
Blog da Renata

11 comentários:

Anônimo disse...

Para os deputados não atrasa sempre tem dinheiro e muuuuiiiitooooo....... Professor não tem salário,nem premio se quiser tem que estressar...É só dar a reposta nas eleições

Anônimo disse...

Estava contando com este dinheiro desde setembro, me enrolei toda com as contas, estou pagando tudo com juros e o excelentíssimo governador diz que não tem data para pagar!!!Ninguém merece um patrão desses.................

Anônimo disse...

Estava contando com este dinheiro desde setembro, me enrolei toda com as contas, estou pagando tudo com juros e o excelentíssimo governador diz que não tem data para pagar!!!Ninguém merece um patrão desses.................

Anônimo disse...

Estava contando com este dinheiro desde setembro, me enrolei toda com as contas, estou pagando tudo com juros e o excelentíssimo governador diz que não tem data para pagar!!!Ninguém merece um patrão desses.................

Anônimo disse...

Como sempre o governo cria leis para o povo cumprir e ele age como quer.ele é autoridade máxima.Abuso de poder é o que não falta.Educação e SAÚDE nunca será prioridade para ele.Professor não tem fundo de garantia
.Aposenta e não tem direito a nada.É muita injustiça e ninúém faz nada. Os deputados só prometem nas campanhas políticas.É muito stressante...

Anônimo disse...

São só cobranças para nós, professsores. Não sei como nos mostivarmos para "produzir", "mostrar resultados", como nosso governador quer, se o "prêmio produtividade" que é o nosso retorno, não é respeitado! Se o governo está de brincadeira conosco, vamos brincar com ele também!

Anônimo disse...

São só cobranças para nós, professsores. Não sei como nos mostivarmos para "produzir", "mostrar resultados", como nosso governador quer, se o "prêmio produtividade" que é o nosso retorno, não é respeitado! Se o governo está de brincadeira conosco, vamos brincar com ele também!

Anônimo disse...

Excelentíssimo Governador. Pelo amor de DEUS pague ainda esse mês o abono. Estou precisando com urgência, Marido desempregado e doente. Filho estudando. Tenha compaixão...Será que o Excelentissimo está nessa ?

Anônimo disse...

Reformei meu banheiro, confiando neste prêmio... quanta judiação! E agora governador? Socorro!!!

Anônimo disse...

como sempre, o governo é sempre ovilão, cobra juros e taxas de tudo, acoita corrupto. paga este bando de imprestáveis para ter seu apoio na dificil luta de manter cada vez mais uma população escrava de bancos, financeiras de esmolas, tiradas do próprio bolso do povo.

Anônimo disse...

Para falar mal do sindicato dos professores gasta milhões. Pra pagar a produtividade zero. Filho da puta