Seguidores

segunda-feira, 19 de março de 2012

Wagner pretende demitir PMs grevistas preso em Ilhéus

O comando geral da Policia Militar e o governador Jaques Wagner se articulam para demitir os cinco policiais que cumprem prisão preventiva há 36 dias em Ilhéus.

A medida serviria de exemplo para, evitando uma nova greve da categoria.

O Clima de revolta vem tomando conta de muitos policiais, que vêem a prisão dos colegas como retaliação política.
O juiz Paulo Roberto Santos de Oliveira, da Auditoria da Justiça Militar da Bahia, negou o pedido de habeas corpus na ultima sexta – feira (16), solicitado pela defesa dos cinco soldados.

"Eles foram denunciados por motim, revolta e conspiração, mas isso não é motivo para mantê-los presos. Eles iam aquartelados para a companhia, como vários outros, absolutamente nada na sentença condiz com a verdade. Peguei depoimentos de major, coronéis, todo mundo fala bem deles. E o engraçado é que um deles, que seriam o sexto, saiu, foi libertado. A única diferença dele para os demais é que o seu endereço é de Itabuna, não de Ilhéus", relata o advogado.

Familiares e policiais mandaram fazer mais de dois mil adesivos, protestando contra o PT.

Fonte: Blog BIZU DE PRAÇA

Nenhum comentário: