Seguidores

Mostrando postagens com marcador anonymous. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador anonymous. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 12 de junho de 2013

PM FERIDO É PROTEGIDO POR MANIFESTANTES DO PASSE LIVRE, não podemos generalizar...

      Para os que tentam criminalizar os movimentos sociais e projetar uma cena de guerra entre a polícia (braço armado do Estado) e os cidadãos que buscam seus direitos, via protestos, ainda que alguns se excedam durante esses movimentos, é importante que saibamos que ambos lados são oprimidos, são trabalhadores, e o principal e óbvio: há humanidade entre eles. Por vezes um lado acusa o outro de agressão ou de revide. Uma cena é emblemática e mostra que a massa além de não ser burra, teve compaixão. O PM acuado, com a cabeça ferida, foi protegido pela maioria dos manifestantes, que se quisessem roubá-lo ou matá-lo, não teria obstáculo nenhum. Clique aqui e assista matéria e o vídeo do PM ferido sendo protegido pelos manifestantes do Passe Livre
  Se por um lado os manifestantes tiveram compaixão, por outro vemos o quanto houve falha no controle do tumulto.


Repercussão internacional, jornal El pais

Não podemos, repito, criminalizar os movimentos sociais. É claro que houve excesso, é claro que ninguém quer ver o seu patrimônio depredado, nem o seu direito de ir e vir impedido. Mas, na verdade sabemos que o único culpado por isso tudo é o Estado que não dá condições dignas de transporte (clique e assista o desrespeito do Estado), (clique e veja mais desrespeito), (mais desrespeito). Se o Estado não faz o papel dele que é fiscalizar as empresas, penalizá-las, cassar concessões pelos maus serviços prestados, e o Estado na maioria das vezes é promíscuo e cúmplice desse modelo falido, justamente porque não irá fiscalizar quem eventualmente lhe financiou as campanhas eleitorais. Daí temos esse modelo absurdo! Acho até que a população demorou demais para reagir diante de tamanho descaso por parte das autoridades constituídas. Somos pessoas que erram, portanto, macular toda a força policial é injusto assim como criminalizr todo o movimento social também é absurdo.N