Seguidores

Mostrando postagens com marcador concussão. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador concussão. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Vídeo: Delegado da Polícia Civil de Natal leva menor a motel em viatura


Enquanto vídeos publicados na internet mostram policias do Rio Grande do Norte, o chefe da Delegacia de Polícia da Grande Natal (DPGran) foi flagrado usando uma viatura da Polícia Civil não caracterizada para levar uma adolescente ao motel. Procurado pela reportagem do SBT Brasil, o delegado Odilon Teodósio negou o fato. A reportagem foi exibida no SBT Brasil.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

PRF é preso ao cobrar para não aplicar multa


Um policial rodoviário federal de 55 anos foi preso pela corregedoria da corporação neste domingo (18), durante a noite, ao ser flagrado pedindo dinheiro para não autuar um motorista que foi parado por irregularidades no posto policial da BR-153, trevo de Monte Alegre de Minas, a cerca de 90 quilômetros de Uberlândia.
As circunstâncias exatas da prisão não foram informadas ela chefia da Polícia Rodoviária Federal (PRF). No entanto, o que se sabe é que a ação foi fruto de uma investigação, começada a partir de denúncias, da atuação do agente no posto.
Segundo o inspetor chefe da PRF naquela área, Altemiro Cristo, uma equipe de policiais de fora foi destacada para fazer o flagrante. “Eu já sabia da suspeita, mas as apurações são estritamente feitas pela corregedoria”, disse.
O policial foi autuado na delegacia da Polícia Federal (PF), em Uberlândia, por concussão, que é o ato de exigir para si, ou para outros, dinheiro em razão da função, e levado ao presídio Professor Jacy de Assis. Além de responder pelo crime na Justiça Federal, um processo administrativo interno também será instaurado contra ele.

Corrupção

No dia 4 deste mês, outro policial rodoviário federal, lotado na unidade em Uberlândia, foi preso por pedir R$ 100, durante uma abordagem, para não multar um motorista. Na ocasião, o motorista foi até a cidade sacar o dinheiro e fez a denúncia à Polícia Militar (PM), que acionou a corregedoria da PRF.
repórter: Fernando Boente
Correio de Uberlândia