Seguidores

Mostrando postagens com marcador major fabio. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador major fabio. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Deputados se reúnem em Brasília para discutir Lei Orgânica Nacional dos Militares Estaduais


Deputado Capitão Samuel se reúne em Brasília com parlamentares da Câmara e do Senado Federal e discute sobre a Lei Orgânica Nacional dos Militares Estaduais


O deputado estadual Capitão Samuel (PSL/SE), viajou para Brasília para tratar de diversos assuntos de interesse dos sergipanos entre eles assuntos referentes aos militares sergipanos discutido pelo parlamentar com bastante ênfase. Samuel Barreto se reuniu com a liderança do PSC nacional na Câmara Federal, Deputado André Moura (PSC/SE) e com o Senador Eduardo Amorim (PSC/SE) que declaram apoio a Lei orgânica Nacional dos Militares Estaduais.
 
“Chegamos à Brasília, tivemos uma reunião com deputado federal Major Fábio para tratar das manifestações sobre o Piso dos Policiais e Bombeiros Militares do Brasil. Em seguida fui recebido pela liderança do PSC Nacional, o deputado federal André Moura e também pelo Senador Eduardo Amorim que declararam total apoio a nossa Lei Orgânica. Vários parlamentares e lideranças da Polícia Militar e do Bombeiro Militar do Brasil participaram da reunião sobre a colocação na pauta de votação das Leis Orgânicas das Policias e Bombeiros Militares”, concluiu Samuel Barreto.

Assessoria Parlamentar (Chris Brota)

segunda-feira, 9 de abril de 2012

PEC 300 vai ganhar novas energias

Tucano confirma licença de 120 dias e abre vaga para defensor da PEC 300 voltar à Câmara Federal

Será a partir do mês de junho que o deputado federal Romero Rodrigues (PSDB) irá se afastar dos trabalhos parlamentares para se dedicar integralmente a campanha eleitoral na cidade de Campina Grande. Romero é o candidato do PSDB e já tem, inclusive, a preferência do senador Cássio Cunha Lima (PSDB).

A licença de Romero será de 120 dias. Com a saída do deputado, quem deverá assumir, pela primeira vez, o mandato na atual legislatura é o primeiro suplente da coligação, Major Fábio, do DEM.

“Vou tentar conciliar com o período das eleições. Eu sempre tenho me dedicado à cidade de Campina Grande desde o meu primeiro mandato de vereador pelas respostas que tenho tido da própria população lembrando que nos últimos três mandatos que disputei para o cargo e a função pública que me submeti à apreciação do povo de Campina e da Paraíba fui o mais votado em todas as eleições, em função disso a forma de retribuir é trabalhando”, disse.

Outro que também cogita se afastar dos trabalhos parlamentares é o deputado Ruy Carneiro (PSDB). A expectativa é que Ruy se afaste logo após o termino da licença de Romero para poder esticar o mandato de Major Fábio na Câmara Federal. 

Fonte: PB Agora/Blog do Capitão Assumção

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

PEC 300: Major Fábio pode voltar à Câmara


DEM faz campanha para emplacar Damião Feliciano na vaga no TCU; ‘eleição’ deixa caminho livre para retorno do defensor da PEC 300

O ex-deputado federal major Fábio (DEM) iniciou, neste domingo (18), uma campanha no twitter para tentar sensibilizar a bancada federal a votar unida no nome do deputado federal Damião Feliciano (PST), na vaga de ministro do Tribunal de Contas da União. Com a hastag # DamiaoFelicianonoTCU, o parlamentar espera convencer a bancada Paraíba na Câmara Federal a fazer o ‘Pacto pela Paraíba’.

“Essa é mais uma oportunidade de se praticar o Pacto Pela Paraíba. Damião Feliciano no TCU é a Paraíba mais forte”, postou o Democrata.

A iniciativa de major Fábio não visa apenas ajudar o político paraibano, mas também ajudar a si próprio a voltar a obter a titularidade de um mandato. É que caso Feliciano seja o escolhido para a vaga no Tribunal de Contas da União, a vaga do parlamentar na Câmara Federal automaticamente passará para o primeiro suplente da coligação, que no caso é o ex-deputado federal Major Fabio.

No campo das possibilidades, caso Fábio consiga emplacar novamente um mandato, o democrata voltará à cena política com força total para defender a PEC 300, proposta que estipula um piso nacional para policiais e bombeiros.
Na ultima legislatura, major Fábio conseguiu a titularidade do mandato graças à cassação do mandato do então deputado Walter Brito Neto (PRB), por infidelidade partidária. Vale salientar que Brito só emplacou o mandato porque o ex-deputado federal Ronaldo Cunha Lima (PSDB) renunciou ao cargo, para se livrar do julgamento por tentativa de assassinato ao ex-governador Burity.

Assim, o ditado que o 'raio' não cai duas vezes no mesmo lugar, seria descartado, pois Major Fábio, pela segunda vez, emplacaria um mandato federal.

blog Capitão Assumção