Seguidores

AJUDE A MANTER O BLOG

Deposite valor que puder na conta abaixo. Ajude a manter o blog:
Banco do Brasil
Agência: 2918-1
Conta Corrente: 40817-4
Marcelo Anastácio
Mostrando postagens com marcador Premio Produtividade. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Premio Produtividade. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

PRÊMIO PRODUTIVIDADE SERÁ PAGO EM DUAS PARCELAS ABRIL E JULHO

O governador Antonio Anastasia (PSDB) anunciou as datas serão: 5º dia útil de abril/2014 e 5º dia útil de julho/2014 14º salário para os servidores esestaduais. Governo de Minas vai investir R$ 570 milhões no Prêmio por Produtividade, beneficiando aproximadamente 365 mil servidores em atividade na administração direta e indireta do Estado. O anúncio foi feito nesta terça-feira (25/2) pela subsecretária de Gestão de Pessoas da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), Fernanda Neves, durante a primeira reunião do Comitê de Negociação Sindical (Cones) em 2014. O pagamento do bônus será feito em duas parcelas, nas folhas de março e junho, que são creditadas no quinto dia útil de abril e julho, respectivamente.

Os servidores receberão o Prêmio por Produtividade pelo cumprimento de metas pactuadas em 2012 pelas equipes em suas áreas de atuação - educação, saúde, desenvolvimento social, transportes, entre outras. As metas são pactuadas em duas etapas do Acordo de Resultados. Na primeira etapa, os secretários e dirigentes de órgãos pactuam as metas com o governador. Na segunda etapa, cada equipe ou unidade gerencial, como escolas e hospitais, pactua as metas com o dirigente da secretaria ou órgão. Naquele ano foram cerca de 1.200 metas específicas, entre indicadores e produtos.
Os servidores alcançam diferentes índices de participação, de acordo com a quantidade e com o percentual de resultados alcançados. O desempenho médio entre todos os órgãos avaliados foi 88%. O valor final do bônus considera a nota obtida e os dias efetivamente trabalhados. “Cada servidor pode receber como bonificação até o valor correspondente a um salário”, afirma Fernanda Neves. Continue lendo Agência Minas

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Este blog acertou o percentual do Prêmio Produtividade


         Apesar da rede de boataria, onde alguns apostaram até em 80% para o índice de pagamento do Prêmio Produtividade; conforme nota oficial do senhor Comandante Geral da PMMG, o índice de referência para pagamento, será de 60%, calculado sobre o salário bruto de 2011.

    Bom proveito à todos e que os nossos representantes busquem uma alternativa para os inativos e pensionistas, que tanto trabalharam para elevar o nível da polícia, e que são preteridos nesses benefícios. Que se crie o Prêmio dos Inativos, para compensar as perdas. E ainda falam que existe paridade salarial. Quem acredita nisso?


  Muitos falaram que o prêmio tem o nome produtividade é pra quem produz...e os inativos não o fazem, por estarem aposentados...mas, se estão aposentados é porque trabalharam e contribuíram por trinta anos, e portanto produziram muito! Nome para justificar o pagamento, qualquer um inventa, quando se tem o interesse político...quando não...cria-se um termo que possa excluir os que fizeram a recente história da PM, BM de Minas Gerais.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

DATA PARA O PAGAMENTO DO PRÊMIO PRODUTIVIDADE É ANUNCIADO..UFA...

PAGAMENTO DO PRÊMIO POR PRODUTIVIDADE (PP)

O Governo de Minas pagará, no próximo dia 30 de março, o Prêmio por Produtividade aos servidores públicos em atividade na administração direta e indireta do Estado. O anúncio foi feito nesta terça-feira (19/2) pelo governador Antonio Anastasia. Aproximadamente 378 mil servidores receberão o bônus pelo cumprimento de metas pactuadas por equipe e cumpridas em 2011 nas diversas áreas de atuação, como educação, saúde, desenvolvimento social e transportes.

Fonte: Blog do Cabo Fernando

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Governador ratifica que Prêmio Produtividade será pago no final de março













Governador confirma pagamento do décimo quarto salário até o final de março


O governo está perto de definir data do pagamento do décimo quarto salário dos servidores estaduais da ativa.

Os servidores de Minas Gerais que estão ansiosos pelo pagamento do prêmio de produtividade, vão esperar até a próxima semana quando tomarão conhecimento da data deste pagamento.

O governador Antônio Anastasia disse, nessa sexta-feira (15) que o prêmio será pago até o final de março, mas a data está sendo escolhida e ele vai anunciar na semana que vem.

"A gratificação de produtividade, como nós anunciamos no final do ano, será quitada até o final do primeiro trimestre deste ano, até o final de março. Eu acredito que a partir da semana que vem nós vamos definir a data exata", afirmou.

Ele comentou ainda sobre possíveis mudanças nos quadros do primeiro escalão do governo previstas para os próximos meses.

"Semana passada eu até nomeei para uma vaga na Secretaria do Trabalho, nós nomeamos o secretário deputado federal José Silva e não há nenhuma modificação. Inclusive semana que vem temos uma reunião de secretariado na terça-feira", explicou.

Fonte: Rádio Itatiaia 16 de Fevereiro de 2013
Por Ana Carolina Dias/Blog do Experidião Porto

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Polícia Civil tem avaliação de desempenho clique aqui inferior e salário de servidor fica menor

Mais uma vez servidores da Polícia Civil ficam prejudicados e tem seus salários reduzidos em razão do não cumprimento de metas, estabelecidas no acordo de resultados da instituição. Esta constatação se deu logo após a liberação do contracheque do mês de janeiro/2013 onde, ao consultarem os policiais e servidores perceberam uma sensível redução no valor referente ao ADE (Adicional de Desempenho). Em alguns casos, a comparação com o mês de dezembro/2012 a redução foi mais de R$25,00 em função do cálculo a menor do referido beneficio, que é feito através do alcance de metas. Em resposta a um desses servidores, a Seplag deixa claro que não só a avaliação do servidor, mas também da instituição impactam no computo dos valores. Analisando as razões no não atingimento destas metas, bem como da redução da avaliação de desempenho, a direção do SINDPOL/MG detecta que neste período, o fato de servidores do expediente terem que concorrer a escala de plantão e depois fazerem jus as folgas no período clique aqui do expediente, sem dúvida, contribuiu para o não atingimento das metas, refletindo diretamente na avaliação da instituição e dos servidores. A direção do SINDPOL/MG entende que, o preenchimento das vagas através de concurso e a ampliação do quadro e de efetivo é a única forma de se restabelecer o funcionamento adequado da instituição, sem sobrecarga de trabalho e sem deixar de cumprir as metas estabelecidas no acordo de resultado, o que certamente reflete no computo e calculo das gratificações referidas. Por isso, a direção do SINDPOL/MG continuará “batendo na mesma tecla”, cobrando e utilizando de todos os meios pela recomposição e ampliação do quadro de efetivo da Polícia Civil de Minas Gerais; melhor forma de fazer com que a instituição e seus operadores cumpram sua função finalística. É importante ressaltar que este problema só atingiu o salário dos servidores que ingressaram no Estado após 2003, portanto, não têm quinquênio, ou para aqueles que optaram pela fixação da gratificação de ADE. 

Blog NOVIDADES DA POLICIA CIVIL/Notícias clique aqui do SINDPOL/MG

sábado, 13 de outubro de 2012

PP será pago no primeiro trimestre de 2013, em data ainda a ser definida


Governo de Minas destina R$ 1,7 bilhão para reajustes salariais e benefícios para servidores em 2012


Valor é mais que o dobro do previsto na lei; Executivo anuncia também pagamentos do 13º salário e do prêmio por produtividade
Governo de Minas destina em 2012 R$ 1,74 bilhão para despesas com pessoal, somando o que foi efetivamente gasto até setembro e a previsão de desembolso até dezembro.  Este total é 119,6% maior do que o valor previsto na lei que instituiu a política remuneratória dos servidores públicos estadual (Lei 19.973/2011), calculado em R$ 794,2 milhões. Ou seja: mais do que o dobro da previsão.
A informação foi repassada pelos secretários de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena, e da Fazenda, Leonardo Colombini, a líderes das principais entidades representativas das diversas categorias do funcionalismo estadual, durante reunião do Comitê de Negociação Salarial (Cones) realizada nesta quinta-feira (11), na Cidade Administrativa.
Na mesma reunião, os secretários anunciaram que o pagamento do décimo-terceiro salário estará disponibilizado nas contas de todos os servidores estaduais no dia 15 de dezembro. Já o prêmio por produtividade será pago no primeiro trimestre de 2013, em data ainda a ser definida.
O volume de R$ 1,7 bilhão que o Governo de Minas desembolsará até o final de 2012, dentro da política remuneratória do Estado, está sendo aplicado na concessão de reajustes e  de diversos outros benefícios concedidos aos servidores estaduais. Continue lendo no Blog da RENTA PIMENTA

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Notícias sobre o Prêmio Produtividade e excedentes do concurso da PC MG


Foto da notícia
O Deputado Sargento Rodrigues conversou hoje, sexta-feira (28/09), com o Governador Antônio Anastasia, para obter esclarecimentos sobre diversos assuntos da segurança pública, dentre esses dois tiveram destaque: o pagamento do Prêmio de Produtividade e a situação dos excedentes do concurso da Polícia Civil.

Na oportunidade Rodrigues destacou que fossem chamados os excedentes do último concurso da Polícia Civil, resaltando que seria mais econômico e mais viável para a própria administração pública, aproveitar o concurso já realizado, tendo em vista os gastos na preparação e execução do concurso. E, por outro lado, o número de 291 delegados completará o quadro mas, logo em seguida, haverão aposentadorias, fazendo com que haja necessidade de novas contratações.
 
O Governador repassou as seguintes informações:

1) reafirmou que o Prêmio de Produtividade será pago ainda este ano;
2) respondeu que fará todo o possível para convocar os excedentes.
 
Fonte: Blog da Renata

domingo, 15 de abril de 2012

MG: Governador vai pagar o Prêmio Produtividade 2011

O governador Antonio Anastasia presidiu, nesta quarta-feira (11), no Palácio Tiradentes, reunião de seu secretariado, quando foi assinado o Acordo de Resultados 2012. O acordo é o compromisso de cada secretaria com os objetivos e metas do Governo em suas respectivas áreas e de forma intersetorial para este ano.

O Acordo de Resultados é uma iniciativa do Governo de Minas que busca garantir que os objetivos estratégicos traçados pela administração pública para a melhoria da vida do cidadão sejam, de fato, alcançados. Ele prevê metas estipuladas para cada servidor em consonância com os ‘indicadores finalísticos’, atrelados ao Plano Mineiro de Desenvolvimento Integrado (PMDI), que contempla objetivos de longo prazo para os anos de 2015, 2023 e 2030.

A grande missão é tornar Minas o melhor Estado para se viver. Para isso, é preciso, cada vez mais, prestar serviços de qualidade em consonância com os desejos e necessidades do cidadão, o que é previsto no Acordo.

“Estamos dando continuidade à reunião gerencial que aconteceu há cerca de duas semanas com esta reunião, que tem por objetivo tão relevante o Acordo de Resultados. Este instrumento é muito eficaz, concebido em primeiro lugar por Minas Gerais para permitir, na verificação das metas e no acompanhamento dos projetos estruturadores mais relevantes, uma premiação e ao mesmo tempo, é claro, o gerenciamento intensivo como todos conhecem e como já é tradicional”, afirmou o governador durante a reunião.

Novidades

O Acordo de Resultados foi instituído em 2003 e desde então vem estimulando metas mais desafiadoras e ousadas, o que tem colocado Minas em lugar de destaque no cenário nacional e internacional, sendo reconhecida por organismos estrangeiros como modelo de administração pública.

Pensando nesse modelo de inovação e pioneirismo, o Acordo de Resultados este ano se adapta à terceira geração do Choque de Gestão, a Gestão para a Cidadania, envolvendo o chamado Estado em Rede. Dessa forma, o Acordo de Resultados de 2012 já prevê as metas estipuladas em conjunto com a sociedade civil nas regiões onde o Estado em Rede já está em funcionamento, caso do Norte de Minas e Rio Doce.

Além disso, para este ano, foi criada a Carta de Missão, documento que vai ser entregue a cada secretário de Estado, estipulando as metas de cada pasta que serão acompanhadas diretamente pelo governador. A carta de Missão contém de três a dez entregas, dependendo da secretaria, que deverão ser feitas até o final do ano, sob cobrança de Anastasia.

O prêmio de produtividade, dado ao servidor pelo cumprimento dos resultados, continua a ser concedido.

“Temos como novidade a Carta de Missão, na qual colocamos também algumas entregas que são relevantes pela natureza mais operacional e mais voltada ao atendimento básico do cidadão. É bom lembrar que a filosofia do trabalho teve por amparo a terceira onda do Choque de Gestão, no sentido de apresentarmos, ao mesmo tempo, entregas concretas e, concomitantemente, termos condições de perceber hoje uma participação mais efetiva da sociedade na execução das políticas públicas”, disse Anastasia.

AGÊNCIA MINAS - SITE OFICIAL DO GOVERNO

sexta-feira, 23 de março de 2012

PEC 5/12 é aprovada garantindo a paridade como fica no caso dos quinquenios e produtividade?

Se alguem por gentileza, colabore com o blog nos comentários por que aí na matéria abaixo diz o seguinte: "incluindo a extensão aos inativos de todas as vantagens concedidas aos ativos" na Pec não diz A ou B e sim a palavra TODOS.

Servidor aposentado por invalidez terá proventos integrais e paridade

O Plenário do Senado aprovou, dia 20, por unanimidade, a Proposta de Emenda à Constituição 5/12, que garante a servidores públicos aposentados por invalidez, proventos integrais e paridade ao pessoal da ativa. A proposta será promulgada em sessão solene do Congresso nos próximos dias.

A PEC determina que a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios, com suas respectivas autarquias e fundações, façam, no prazo de 180 dias da entrada em vigor da emenda, a revisão das aposentadorias e pensões delas decorrentes concedidas a partir de 1º de janeiro de 2004.

Com a aprovação da PEC 5/12, o servidor público poderá receber proventos equivalentes à sua última remuneração, com vinculação permanente entre proventos de aposentados e a remuneração da ativa, incluindo a extensão aos inativos de todas as vantagens concedidas aos ativos.

A PEC, de autoria da deputada Andreia Zito, visa mudar a forma de cálculo dos benefícios de aposentadoria por invalidez instituídos na reforma da Previdência. Atualmente, a aposentadoria de quem se torna inválido para o trabalho no serviço público é calculada com base no tempo de contribuição.

A PEC foi aprovada por unanimidade nos dois turnos. Emendas constitucionais precisam passar por cinco turnos de discussão antes da primeira votação e depois mais três turnos de debates antes da segunda votação.

Mas um acordo entre todos os senadores permitiu a quebra dos interstícios e que todas sessões acontecessem seguidamente para que a matéria tivesse a votação concluída no mesmo dia. Continue lendo no Blog Notícia da Caserna

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Valor do Imposto de Renda para 2ª parcela do Prêmio Produtividade foi modificado

DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS 

CENTRO DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL 

Belo Horizonte, 23 de fevereiro de 2012. 

Ofício: n. 213 /2012 ? CAP 

Aos Srs. Comandantes, Diretores e Chefes, 

Informo a V. Sa. que, após auditagem dos valores pagos pelo prêmio produtividade referente ao ano de 2011, constatou-se que o desconto do Imposto de Renda foi superior ao previsto conforme Instrução Normativa da Receita Federal do Brasil n. 1127, de 07/02/11, uma vez que o prêmio produtividade se enquadra na modalidade Rendimentos Recebidos Acumuladamente (RRA), previsto no artigo 2º que assim assevera: 

?Art. 2º Os RRA, a partir de 28 de julho de 2010, relativo a anos-calendários anteriores ao do recebimento serão tributados exclusivamente na fonte, no mês do recebimento ou crédito, em separado dos demais rendimentos recebidos no mês, ...? 


Diante do exposto foi recalculado o Imposto de Renda referente ao prêmio produtividade, sendo o valor descontado a maior reembolsado junto ao vencimento de fevereiro, a ser recebido no 5º dia útil de março. A segunda parcela do prêmio produtividade, com pagamento previsto para o dia 28/02/2012, já esta correta. 

As alterações podem ser confirmadas nos demonstrativos postados na Intranet. 

Respeitosamente, 


(a) Ronilson Edelvan de Sales Caldeira, Major PM 
Chefe do Centro de Administração de Pessoal

Intranet PM MG

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Desconto sobre o Prêmio Produtividade foi legal? Alguém se deu conta?

            Depois de meses de agonia, esperando uma definição sobre o sonhado pagamento do Prêmio Produtividade, eis que o governador anuncia as datas em 30 de janeiro e 28 de fevereiro. Porém, qual a base legal para que fosse descontado mais de 10% sobre a primeira parcela? Qual é o embasamento para tal desconto? Será que na segunda parcela descontaremos outros 10 ou 12%? Quem poderá nos responder? 

sábado, 28 de janeiro de 2012

MG: Prêmio por Produtividade já está na conta!

Atenção: o Pagamento do Prêmio por Produtividade (1ª parcela) já está na conta! contudo, confiram que a data é do dia 30 de Janeiro, portanto, se você retirar antecipadamente qualquer valor estará sujeito a cobrança do famoso "adiantamento depositante".
 
fonte: blog policiapelaordem

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

13º salário do funcionalismo em Minas será pago na próxima semana, Prêmio Produtividade só ano que vem e em 2 pagamentos

índice do PP = 85,3%




O pagamento do prêmio de produtividade acontecerá em duas parcelas, no início de 2012.

Fonte: Rádio Itatiaia



07 de Dezembro de 2011 por Ana Carolina Dias
O governador Antônio Anastasia anunciou, na tarde desta quarta-feira (7), que o 13º salário do funcionalismo será pago, integralmente, no próximo dia 17 de dezembro.
Já o prêmio de produtividade, um acordo de resultados que equivale ao 14º salário, será pago em duas parcelas. A primeira parcela no dia 30 de janeiro e a segunda será paga no dia 28 de fevereiro.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Sobre o PRÊMIO PRODUTIVIDADE...ATENÇÃO ASSOCIAÇÕES!

 SERÁ QUE NINGUÉM VAI DENUNCIAR O GOVERNADOR? CRIA-SE UMA EXPECTATIVA, FAZ-SE A RESERVA FINANCEIRA ATRAVÉS DA PREVISÃO ORÇAMENTÁRIA, OU SEJA, O DINHEIRO EXISTIA...E AGORA DEPENDE DA ARRECADAÇÃO? 

      O que fizeram com esse dinheiro?

   Onde foram gastos o dinheiro do pagamento do Prêmio Produtividade?
       Como foram gastos?
      As associações ou sindicatos seja dos professores, policiais ou saúde, ninguém vai denunciar o caso no Tribunal de Contas do Estado?
    É normal, comum, fazer a previsão orçamentária e não cumpri-la?  

domingo, 27 de novembro de 2011

Prêmio por Produtividade Minas – Coisas que não consigo entender


Coisas que não consigo entender.
Será deveras, que o governo de minas está a lidar com pessoas ignorantes, dentre eles Doutos, professores, policiais, profissionais de saúde, etc……..?
Anuncia na mídia nosso governador, que o pagamento do prêmio produtividade do funcionalismo, estaria atrelado ao desempenho da arrecadação do estado no último trimestre de 2011.Bom, para quem não é conhecedor da lei que disciplina tal abono, pode até acreditar nesta “mentirinha”. No entanto, quem conhece o que está descrito na Lei 17.600/08 Acordo de Resultados e Prêmio Produtividade, sabe o que lá está descrito.
Governo, tente de parar a iludir a quem não conhece a lei…O pagamento “NÃO É FACULTATIVO” e sim um acordo amparado por lei e o não pagamento significaria descumprimento de lei. Senão vejamos que prevê a lei:
Lei 17.600/08 que estabeleceu o “Acordo de Resultados e o Prêmio de Produtividade:
…Art. 39 – Na hipótese de o Estado apresentar déficit fiscal, não haverá pagamento de Prêmio por Produtividade no exercício seguinte.
Mister se faz clarear o descrito. Se acaso o GOVERNO DO ESTADO DE MINAS, tivesse tido déficit em 2010, o que não foi o caso, não teria obrigatoriedade do pagamento do abono neste ano 2011.

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Servidores públicos estaduais receberão 13º salário na 1ª quinzena de dezembro

O governador Antonio Anastasia disse, nesta quinta-feira (10), que o pagamento do 13° salário dos servidores públicos estaduais está garantido para a primeira quinzena de dezembro. O governador concedeu entrevista sobre o assunto durante a cerimônia de entrega da Medalha da Ordem do Mérito Legislativo, promovida pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), no Expominas.
“Primeiro, volto a dizer que confirmamos o pagamento do 13º salário na primeira quinzena do mês de dezembro e, tão logo tenhamos um horizonte mais claro, faremos um anúncio sobre o prêmio de produtividade”, disse Anastasia.
Sobre o prêmio de produtividade, o governador ressaltou que todo o esforço está sendo feito para que seu pagamento seja realizado ainda neste ano.
correiodeuberlandia

Cadê o Prêmio Produtividade? Servidores estaduais fazem protesto unificado em BH


Cerca de dois mil servidores estaduais se reuniram na Praça da Assembleia, em Belo Horizonte, para fazer uma manifestação e discutir a possibilidade de realização de greve. O ato unificado acontece na tarde desta quinta-feira (10).  Participam da mobilização representantes do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE), Sindicato Único dos Trabalhadores da Saúde (Sind-Saúde), do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil (Sindpol) e do Sindicato Intermunicipal dos Trabalhadores na Indústria Energética (Sindieletro). Os manifestantes saíram em passeata até o centro da cidade.


De acordo com o presidente do Sindicato da Polícia Civil de Minas Gerais, Denilson Martins, a categoria vai iniciar uma greve em massa. "O governo não enviou a Lei Orgânica, que foi elaborada pela categoria. O governo disse que em outubro, ela estaria publicada. Também estamos cobrando o prêmio por produtividade. As metas do ano passado não foram pagas então ele [governo] não pode cobrar nenhuma meta este ano", disse.



Paralisação na Educação

Servidores da Educação fazem nesta quinta-feira (10) um dia de paralisação. A categoria encerrou em setembro uma greve que durou 112 dias e reclama de impasses. Segundo a diretora do Sind-UTE, Beatriz Cerqueira, as negociações não avançaram depois de seis reuniões com o governo. “O governo não tem que criar tabela e sim o piso salarial de carreira que havia prometido. Foi falado que seria tirado da Assembleia o projeto de lei do subsídio, mas está na pauta de votação”, falou.

Nos dias 16, 17 e 18 deste mês, professores e demais servidores da Educação prometem reduzir a carga horária de trabalho e, no dia 22, vão fazer uma nova paralisação de 24 horas, de acordo com Beatriz Cerqueira.

A assessoria do governo disse ao G1 que uma coletiva foi marcada pela Secretaria de Estado de Planejamento para às 17h desta quinta-feira (10), para falar sobre o ato unificado.


Pedro TriginelliDo G1 MG