Seguidores

Mostrando postagens com marcador avaliação de oficiais. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador avaliação de oficiais. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

PRAÇAS E OFICIAIS: DOIS PESOS...DUAS MEDIDAS...

RETROSPECTIVA DE CASOS ENVOLVENDO OFICIAIS E PRAÇAS NA PMMG E AS PUNIÇÕES APLICADAS A UM E A OUTRO

DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS
REVERSÃO DE OFICIAL
ATO N. 279/2011-CAP/SCad
O CORONEL PM DIRETOR DE RECURSOS HUMANOS DA POLÍCIA MILITAR DE
MINAS GERAIS, no uso da atribuição que lhe é conferida pelo art. 7º, inciso VIII, do
Regulamento do Sistema de Recursos Humanos da Polícia Militar (R-103), aprovado pela
Resolução n. 3.875, de 08ago06, e,
1. CONSIDERANDO QUE:
1.1 O feito n. 0000030-64.2007.9.13.0003, da 3ª Auditoria referente ao n. ... ...-.,
Cel PM ........ ......, da DMAT, deu provimento ao recurso de embargos infringentes
para absolver o oficial, nos termos do art. 439, “b”, do Código de Processo Penal Militar;
1.2 Certidão de Inteiro Teor dos Autos n. 0000030-64.2007.9.13.0003, da 3ª
Auditoria, de 02 de dezembro de 2011, certificando a situação referente ao militar.
2. RESOLVE:
( - BGPM Nº 95, de 20 de dezembro de 2011 - )
Página: ( - 43 - )
2.1 Reverter ao respectivo Quadro, o n. ......-., Cel PM ........ ......, da
Diretoria de Meio Ambiente e Trânsito, a contar de 01 de dezembro de 2011, por ter sido
absolvido no recurso de embargos infringentes, nos termos do art. 439, “b”, do Código de
Processo Penal Militar, do feito n0000030-64.2007.9.13.0003, da 3ª Auditoria, que impedia o
militar de ser transferido para o Quadro de Oficiais da Reserva Remunerada;
2.2 Publicar este ato em BGPM;
2.3 Determinar ao Diretor de Meio Ambiente e Trânsito o arquivamento deste ato na
Pasta Funcional do militar;
2.4 Determinar ao Chefe do Centro de Administração de Pessoal o arquivamento de
cópia deste ato na Seção de Cadastro, para fins de controle.
Belo Horizonte, 12 de dezembro de 2.011.
(a) JUAREZ NAZARETH, CORONEL PM

Editorial do Blog do Cabo Fernando:  ESTE CEL PM FOI PARA UM MOTEL NUMA VIATURA DA P/2 COM UMA FEM, FOI  SURPREENDIDO POR LADRÕES QUE LEVARAM A VIATURA E ARMAS DA PMMG, TENTOU  COAGIR UM CABO PARA QUE O MESMO ASSUMISSE O FATO E REGISTRASE UM BO COMO SE ESTIVESSE EM SUPERVISAO MAS O CABO O DENUNCIOU AO CMT GERAL ONDE SAIU ESTE IPM QUE O ABSOLVEU. INCLUSIVE O DEP. SGT RODRIGUES O DENUNCIOU NA EPOCA PROMETENDO ACOMPANHAR O CASO E PARECE QUE O PARLAMENTAR ESQUECEU. PROVIDENCIAS TOMADA ATÉ O MOMENTO: ABSOLVIÇÃO DO CEL.CONTINUE LENDO BLOG DO CABO FERNANDO:>>>>>>>>

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Oficiais da PM terão desempenho avaliado a cada 6 meses, podendo ir para a reserva

O novo comandante geral da PM, coronel Erir da Costa Filho. Foto de Marco Antônio Cavalcanti / Agência O Globo
RIO - Antiguidade não é mais posto, pelo menos na Polícia Militar idealizada pelo novo "zero um" da corporação. O recém-nomeado comandante, coronel Erir Costa Filho, vai implantar uma nova metodologia para avaliar comandantes de batalhões e seus oficiais subordinados. A cada seis meses eles receberão conceitos como excelente, muito bom, bom, regular e insuficiente em suas fichas funcionais. No boletim da meritocracia, quem levar o conceito mais baixo duas vezes será submetido ao Conselho de Justificação, que julga oficiais, e pode acabar no banco de reserva da PM. A medida tem objetivo didático, pois vai exigir mais empenho dos que ocupam o topo da pirâmide hierárquica da corporação, gerando um efeito cascata sobre a tropa.
- A pró-atividade vai ter que vir de cima para baixo. Os líderes têm que dar o exemplo - frisou o comandante.


Para implementar o modelo de avaliação, que segue moldes de gestão comuns na iniciativa privada, o coronel Costa Filho pretende lançar mão do regulamento de promoções da corporação, que será revisto. As avaliações serão feitas pelos comandantes dos batalhões, que também serão avaliados por seus superiores - os comandantes de área. Semestralmente, eles serão obrigados a dar conceitos à atuação dos oficiais subordinados - capitão, major e tenente-coronel. As avaliações serão monitoradas pela Seção de Promoções, setor que vai ganhar fôlego com maior investimento na estrutura de pessoal e equipamentos.

Sérgio Ramalho (sergio.ramalho@oglobo.com.br)
http://oglobo.globo.com/rio/mat/2011/10/08/oficiais-da-pm-terao-desempenho-avaliado-cada-6-meses-podendo-ir-para-reserva-925539892.asp#ixzz1aIDhIiXX