Seguidores

Mostrando postagens com marcador coronel pm. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador coronel pm. Mostrar todas as postagens

domingo, 2 de março de 2014

Coronel da Polícia Militar do Amazonas é encontrado morto


Um coronel da Polícia Militar do Amazonas foi encontrado morto na manhã deste sábado (1º), no Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), situado na Zona Centro-Sul de Manaus. O oficial foi achado com ferimento de tiro na cabeça. A polícia trabalha com a hipótese de suicídio.
O titular da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), coronel Paulo Roberto Vital, esteve no local e falou sobre o trabalho do oficial morto. “Ele era da reserva, trabalhou na secretaria de grandes eventos e atuou durante mais de 30 anos na corporação. Soube do ocorrido por volta de 9 horas da manhã”, afirmou.Testemunhas informaram que o coronel chegou aparentemente bem no Ciops e conversou com algumas pessoas. Junto ao corpo do coronel foi encontrado um bilhete e o revólver calibre 38 de propriedade do policial. “Nós éramos muito ligados e não sei o que pode ter acontecido. Ele estava muito feliz profissionalmente e falei com ele dias atrás”, disse Vital. Não há informações se o coronel morto passava por problemas familiares.O coronel encontrado morto estava responsável por coordenar os trabalhos de monitoramento do desfile das escolas de samba do grupo de especial, na noite deste sábado, no sambódromo de Manaus. Segundo Vital, ele já havia cumprido o tempo integral de 30 anos na Polícia Militar e estava na reserva há aproximadamente oito anos.
Uma viatura do Instituto Médico Legal (IML) removeu o corpo do oficial. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada para atender funcionários do Ciops que teriam passado mal após a ocorrência. A perícia criminal da Polícia Civil do Amazonas também esteve no local.
G1

sábado, 14 de dezembro de 2013

Comando Regional de Uberlândia, consegue Habeas Corpus sobre IPM em seu desfavor



MATÉRIA CRIMINAL HABEAS CORPUS Processo n. 0003272-30.2013.9.13.0000 Relator: Juiz Cel PM Rúbio Paulino Coelho Paciente: Cel PM Dilmar Fernandes Crovato Impetrante: Cel PM Hebert Fernandes Souto Silva Autoridade coatora: Juiz de Direito Titular da 2ª AJME SÚMULA DA DECISÃO: Deferido a liminar, para suspender a tramitação do Inquérito Policial Militar de Portaria n. 122.002/13-IPM/CPM, até o julgamento definitivo da presente ordem; oficie-se ao Juiz de Direito Titular da 2ª AJME, dando ciência desta decisão, solicitando as informações no prazo de 05 (cinco) dias; dê-se “vista” ao douto Procurador de Justiça, para sua manifestação no prazo regimental SEGUNDA CÂMARA PARA CIÊNCIA DAS PARTES MATÉRIA CÍVEL APELAÇÃO Processo n. 0002668-63.2013.9.13.0002 Relator: Juiz Cel PM James Ferreira Santos Revisor: Juiz Fernando Armando Ribeiro Apelante: Eduardo Dias Pereira Cardoso Advogado(s): Geusliano Amaral Rodrigues (OAB/MG 134551) Apelado: Estado de Minas Gerais Procurador do Estado: Leonardo Canabrava Turra (OAB/MG 57887) SÚMULA DA DECISÃO: nos termos do art. 273, incisos I e II, c/c o art. 527, III, todos do CPC, deferido parcialmente o pedido de antecipação da tutela recursal, para suspender os efeitos da punição aplicada ao apelante, assim como os efeitos da r. sentença primeva, até o pronunciamento final da c. Segunda Câmara. CORREGEDORIA Portaria nº 61/2013-CJM Designa magistrado e servidora para plantão judiciário, no âmbito da Primeira Instância da Justiça Militar O Corregedor da Justiça Militar do Estado de Minas Gerais, no uso das atribuições que lhe conferem os artigos 29, XIX, e 31, parágrafo único, ambos do Regimento Interno do Tribunal de Justiça Militar, aprovado pela Resolução nº 64, de 22 de outubro de 2007, em pleno exercício do cargo e Considerando os termos da Resolução n.º 78/2009 do Tribunal de Justiça Militar, com as alterações conferidas pela Resolução n.º 84/2009, de 17 de dezembro de 2009, Considerando a necessidade de se colocar servidor à disposição do juiz plantonista durante plantão da Primeira Instância, conforme determinado na Resolução nº 71, de 31 de março de 2009, do Conselho Nacional de Justiça-CNJ; Resolve: Art. 1º Fica designado o Juiz de Direito Substituto do Juízo Militar, ANDRÉ DE MOURÃO MOTA, para atuar como plantonista nas Auditorias da Justiça Militar do Estado de Minas Gerais, no período das 18 horas do dia 11/12/2013 às 8h do dia 19/12/2013, tendo como telefone móvel para contato o de número (xx) xxxx-xxxx. Art. 2º Para auxiliar o magistrado plantonista, fica designada a servidora Danielle de Oliveira Almeida, jme 0469-8. Publique-se. Registre-se. Cumpra-se. Belo Horizonte, 20 de novembro de 2013.

Comento: Lembrando que as informações são públicas de acordo com o Artigo 37 da Constituição Federal, no quesito PUBLICIDADE.

sábado, 26 de outubro de 2013

Black Blocs cercam, espancam e roubam arma de Coronel da PM (isso é guerra civil)


Cenas lamentáveis onde um coronel da Polícia Militar do Estado de São Paulo é linchado por um grupo que participava de protestos na noite da última sexta, em São Paulo. Além de ter a clavícula quebrada, o oficial teve sua arma (uma pistola .40) roubada. Violência inaceitável, covarde e absurda. Que os responsáveis sejam identificados e punidos.emagrecer rápido