Seguidores

Mostrando postagens com marcador embriagado. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador embriagado. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Homem morre em Divinópolis ao estourar foguetes com a boca (verdadeiro homem-bomba)

Um homem de 29 anos conhecido pelo apelido de Bicudo morreu, nessa quarta-feira (12), depois de estourar dois foguetes com a boca. O acidente ocorreu em um lote vago que fica na porta de um bar, localizando na rua Cabo Heitor Santos, no bairro Realengo, em Divinópolis, no Centro-Oeste de Minas. De acordo com a polícia, a vítima estava bêbada e queria chamar atenção de uma mulher que estava no bar.



Ainda conforme a PM, o homem passou o dia ingerindo bebida alcoólica e, ao anoitecer, começou a estourar fogos de artifício com a boca. As testemunhas advertiram a respeito do perigo, mas o homem insistiu na brincadeira de mau gosto.

Frequentadores do bar disseram à polícia que um dos foguetes, ao invés de sair para cima, entrou pela boca da vitima. O homem teve perfurações nas costas, estourou os dentes, perdeu parte da boca e traqueia e morreu na hora.

O corpo do rapaz ficou caído ao chão a espera da perícia e rabecão. Após os trabalhos de rotina, o corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML).


MÁBILA SOARES/OTempo

sábado, 27 de agosto de 2011

Atropelado por subsecretário de Estado tem morte cerebral confirmada pelo filho


A morte cerebral do pedreiro Ermínio Cosme Pereira foi confirmada por seu filho, na noite desta sexta-feira (26). O senhor foi atropelado pelo subsecretário do Governo do Estado, Alexandre Felipe Mendes, na estrada do Engenho do Mato, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio.

De acordo com Geovanne Evangelista, 28 anos, filho de Ermínio, a vítima segue internada em estado gravíssimo no Hospital Estadual Azevedo Lima, no Fonseca, também em Niterói.

O pedreiro Ermílio Cosme Pereira está internado em estado gravíssimo no Hospital Estadual Azevedo LIma, no Fonseca, em Niterói. Ele respira com o auxílio de aparelhos e não tem previsão de alta. A vítima teve um traumatismo crânio-encefálico e cervical.

Conforme informou o delegado da 81ª DP (Itaipu), Carlos Alexandre Leite Justiniano, o subsecretário será indiciado por lesão corporal culposa. Alexandre é acusado de atropelar cinco pessoas no fim da noite desta quinta-feira, quando voltava de uma festa. O subsecretário passou por exame toxicológico para comprovar se houve ou não abuso de álcool. Caso alguma das vítimas morra, o indiciamento deve ser por homicídios culposo.

Advogado de Alexandre, Felipe disse à imprensa que o acidente tratou-se de uma fatalidade e que a bicicleta surgiu no meio de uma rua escura e cheia de buracos. Ainda segundo o advogado, seu cliente faz uso de remédios tarja preta para dormir e perdeu seu pai há pouco tempo.

Jornal do Brasil