Seguidores

Mostrando postagens com marcador professor federal. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador professor federal. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

BRASIL ESTÁ PRÓXIMO DE UMA GREVE GERAL?

   Policiais Federais, Rodoviários Federais, Professores e Técnicos Administrativos Federais, Justiça e vários outros setores estão parando gradativamente, e o paradoxo é que este governo teve o seu alicerce nas greves, no embate constante com os governos desde a época da ditadura, já nos idos de 1978. Agora no poder, pode provar um pouco do seu "veneno", e o pior, se mostra mais radical em alguns casos, do que muitos governos tidos como de direita ou com "posição geográfica" diferente que a do PT, o partido dos trabalhadores. Eita saudade quando esta sigla, de fato representava o sindicalismo e os trabalhadores sem qualquer tipo de organização similar.

   Hoje vivemos um grande momento, de sofrimento é claro, mas, por outro lado muitos daqueles que defendiam cegamente as diretrizes do PT, com certeza nas próximas eleições terão uma posição mais isenta, mais sensata, portanto, menos apaixonada.

   Parabéns as categorias que resistem à altura da arrogância do governo, como os professores federais, que há quase três meses medem força com a ditadora DILMA ROUSSEFF. Feliz destas categorias, que ainda não tiveram seus celulares ilegalmente grampeados, como os policiais e bombeiros do Rio e da Bahia, numa das maiores mentiras que essa república já viu, onde muitos se lembram, jogaram a população desinformada contra a categoria, tudo pela transmissão da festa alienante: o carnaval.

     Deus ilumine os "guerreiros" federais em greve, que poderão trazer por tabela, o aumento para às Forças Armadas, refém do regulamento, da Carta Magna, que proíbe veementemente qualquer tipo de manifestação, que por conta do revanchismo do governo, ao longo dos anos, vive uma das maiores defasagens salariais de sua história.

      Aqueles que um dia preconizavam a greve, e o povo acreditando que isso seria por um ideal, outros acusando-os de "radicais", hoje pode ver que os líderes grevistas de outrora se corromperam, e por ter muito dinheiro fácil, obviamente não precisa fazer mais greves, já estão, conseguiram chegar no poder. Enquanto aqueles que eram conservadores, agora sentem os efeitos nefastos, não só pela corrupção escancarada, como o quando são radicais, aqueles que um dia foram grevistas.

     O que está faltando para uma greve geral?

      Anastácio - Blog No Q.A.P

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Professores e Forças Armadas terão aumento diferenciado

O Ministério do Planejamento pretende tratar de forma diferenciada os professores universitários e os militares, que terão reajustes maiores do que os demais servidores. O percentual está sendo negociado com o Ministério da Fazenda, mas quem vai bater o martelo é a presidente Dilma Rousseff, até a próxima semana.


Correio Brasiliense/Blog do Azedo

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Professores de algumas federais podem entrar de greve dia 25/08

            Professores da UFU - Universidade Federal de Uberlândia-MG, decidem nesta terça 23/08 se entrarão em greve por melhores salários, melhorias na previdência e saúde. O movimento é nacional, e conta com a participação de outros seis estados. O governo teve a cara de pau de oferecer 4% de aumento, a ser pago em março de 2012.

            Lembrando que os técnicos da UFU já estão paralisados há mais de 30 dias.

           Os professores acusam o governo de usar a crise internacional como a grande desculpa, para não conceder aumentos aos professores. Nunca é demais lembrar, que no início de 2011, a mesma classe política se auto-reajustou em 62%. Alguns senadores, inclusive, ganham super salários, acima do teto constitucional de 26 mil.

            Os professores federais deveriam se unir aos estaduais, (especialmente os de Minas, que reivindicam o piso nacional), ao pessoal da saúde e aos policiais e bombeiros pela PEC 300, a criação do piso nacional dos policiais e bombeiros.

               Anastácio/editor do blog