Seguidores

Mostrando postagens com marcador quartel. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador quartel. Mostrar todas as postagens

sábado, 15 de junho de 2013

Quartel do Triângulo Mineiro cobrará taxa para estacionamento de militar

Eita Triângulo Mineiro

Senhores, 

Visando implementar o contido no Memorando Nr 4.028 (POSTO DE GUARDA DO AQUARTELAMENTO) especificamente no ítem 2.1.1.2, determinou-me o chefe da P/4 do  BPM de informar que já se encontram disponíveis na  Cia PM para aquisição por parte dos militares as credenciais de acesso ao interior do  BPM. Para aquisição os militares deverão apresentar o CRLV 2013 do veículo e a referida CARTEIRA NACIONAL DE HABILITAÇÃO. Adianto-vos que a credencial será adquirida as expensas do militar que desejar estacionar o veículo no interior do BPM, valor de R$ 7,00 (sete reais). O prazo para adquirir a credencial: 21/06/2013 às 17h. Adianto-vos que a partir de 24/06/2013 não será mais permitida entrada com veículo dentro do aquartelamento sem a devida credencial. 

Solicito dos senhores comandantes e chefes de seção ampla divulgação junto aos seus comandados. 

Respeitosamente, 


  Comento: Ministério Público neles!!! O pior não é só isso...é que quem questiona, como este blogueiro, ainda corre o risco de ser indiciado em crítica indevida...sujeito a abertura de IPM - Inquérito Policial Militar...e salve a "Caverna de Platão"...

quarta-feira, 6 de junho de 2012

A POLÍTICA NOS QUARTÉIS

A POLÍTICA NOS QUARTÉIS - MAUD CHIRIO

Na semana passada eu estive em Icaraí para festejar o aniversário de uma amiga. Como ainda não perdi todos os hábitos castrenses, cheguei muito cedo e resolvi visitar a livraria da Universidade Federal Fluminense que funciona no local. Entre um café e outro, olhei as estantes e encontrei um livro interessante: 
"A Política nos Quartéis - Revoltas e Protestosde Oficiais na Ditatura Militar Brasileira", de autoria da historiadora Maud Chirio (R$ 45,00).

O livro trata do comportamento dos Oficiais no período no que diz respeito a vida política nos quartéis.
Confesso que nunca tinha lido nada tão abrangente sobre o tema, o que tem sido muito útil para formar minhas opiniões, ouvindo as diferentes opiniões, como procuro fazer sempre que possível.
Eu recomendo. Atualmente, tenho dividido o meu prazer de ler entre ele e o livro "História da Máfia - Das Origens aos Nossos Dias", de Salvatore Lupo. Esse último muito importante para quem pretende conhecer o funcionamento das organizações criminosas, algo fundamental para compreender, por exemplo, o "mensalão" e as relações entre políticos e empresários brasileiros, que enqriquecem desviando o dinheiro público.
Quem não conhece as máfias internacionais, fica capenga para analisar a política no Brasil.

Por Paulo Ricardo Paúl/Blog Coronel PAUL

terça-feira, 22 de maio de 2012

Sérgio Cabral vende batalhão da Polícia Militar no Centro do Rio

Quartel General, que fica na Rua Evaristo da Veiga, começou a ser esvaziado | Foto: Divulgação
FLAVIO ARAÚJO/Fonte: ODIA

Rio -  Está aberta a temporada de liquidação de batalhões da PM. O primeiro negócio é uma verdadeira joia: o Quartel General (QG) da corporação, no coração do Centro do Rio, próximo à Lapa e à Cinelândia. O governo do estado confirmou que vai vender o QG à Petrobras por R$ 336 milhões. Na lista estão também os quartéis de Botafogo (2º BPM), Tijuca (6º) e Leblon (23º).



A desocupação do QG foi antecipada pela coluna ‘Informe do DIA’ na última quarta-feira, dia 16. O terreno, na Rua Evaristo da Veiga, mede 13,5 mil metros quadrados. A Petrobras não confirmou o negócio, mas o Palácio Guanabara, em nota oficial, informou que o QG será completamente demolido pela Empresa de Obras Públicas (Emop) e repassado à petroleira, que deverá erguer mais um arranha-céu no Centro. Pelo serviço de demolição, a Emop será paga pela Petrobras. Continue lendo no ODIA

Comentário: É incrível como a máxima: "filho de peixe, peixinho é", consegue ser desmentida por Sérgio Cabral governador do Rio de Janeiro. Filho de um dos maiores historiadores do Brasil, homem culto, ligado a cultura, escritor de várias biografias, e vem o filho e vende o prédio do QG da PM, no centro do Rio. Antes já tinha mandado implodir o presídio Frei Caneca, o mais antigo do Brasil, local que poderia ser usado como espaço cultural, museu...e de pensar que ele ainda quer ser presidente do Brasil...talvez pra concorrer com o FHC...pra ver quem privatiza mais...só pode...

segunda-feira, 26 de março de 2012

RIO: A LUTA PARA SALVAR A HISTÓRIA DE TODAS AS POLÍCIAS MILITARES DO BRASIL

PROJETO DE LEI Nº 1877/2008

EMENTA:

TOMBA, POR INTERESSE HISTÓRICO E CULTURAL O IMÓVEL DO QUARTEL GENERAL DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - QG DA PMERJ, LOCALIZADO NO CENTRO - RUA EVARISTO DA VEIGA, Nº 78 - II REGIÃO ADMINISTRATIVA.

Autor(es): VEREADOR CARLO CAIADO, VEREADORA PASTORA MÁRCIA TEIXEIRA
A CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO

DECRETA:

Art. 1o Fica tombado, por interesse histórico e cultural o imóvel do Quartel General da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro - QG da PMERJ, localizado no bairro do Centro, na Rua Evaristo da Veiga, nº 78, na II Região Administrativa.

Art. 2o Quaisquer intervenções físicas a serem realizadas no referido imóvel deverão ser previamente aprovadas pelo Conselho Municipal de Proteção do Patrimônio Cultural do Rio de Janeiro.

Art. 3o O Poder Executivo adotará os atos necessários à execução da presente Lei.

Art. 4o Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Plenário Teotônio Villela, 23 de setembro de 2008.

JUSTIFICATIVA

A presente proposta visa preservar o imóvel do Quartel General da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro - QG da PMERJ, localizado no bairro do Centro, na Rua Evaristo da Veiga, nº 78, na II Região Administrativa, que é extremamente significativo para o bairro, famoso por sua estrutura arquitetônica e paisagística.

A área em questão é primordial para manter as características ambientais e paisagísticas do bairro, além de ser possível, caso seja necessário, uma total revitalização do imóvel podendo o mesmo ter a função de difusão da cultura e da memória do Centro.

Considerando, ainda, que nesta unidade aconteceram fatos relevantes da história, dos quais destaco:
1) Sediou o Corpo de Guardas Permanentes, que era comandado pelo Duque de Caxias, no período de 1832 a 1839, e 2) Em 10 de julho de 1865, partiram do Quartel 510 oficiais e praças para lutar na guerra do Paraguai, sob a denominação de 31º Corpo de Voluntários da Pátria. Naquela época, o Quartel era denominado de Barbonos da Corte.

Esses fatos, combinado com a Constituição Federal de 1988, que abandonou a noção de que o patrimônio cultural de um povo deva ser formado apenas por espécies notáveis e monumentais (art. 216, cf), justificam plenamente, em meu entender, a apresentação deste projeto. Continue lendo no Blog do Coronel Paulo Paúl:>>>>>>>

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

PM investiga entrega de 2.600 latas de cerveja em unidade prisional do Rio



A Corregedoria da Polícia Militar vai investigar a entrega de 2.600 latas de cerveja na tarde de domingo (23) na Unidade Especial Prisional da PM, em Benfica, na Zona Norte do Rio. De acordo com o corregedor geral da PM, Waldyr Soares Filho, um Inquérito Policial Militar já foi aberto.

Segundo Soares Filho, o oficial de dia que trabalhava no momento da entrega das bebidas será autuado por permitir a entrada dos produtos no batalhão. Para o corregedor, o caso pode se tratar de uma encomenda feita por parte de militares presos. Ele não acredita, no entanto, que as bebidas seriam para uma festa no local.

A informação sobre o veículo carregado com bebidas chegou ao conhecimento do serviço de inteligência da Corregedoria durante a noite de domingo (23). Ao saber do caso, Soares Filho determinou que policiais da 1ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DJPM) fizessem a investigação.

Segundo o corregedor, os agentes foram ao local e encontraram as latas de cerveja dentro de uma Fiat Fiorino no estacionamento da unidade. Um homem, que seria o motorista do veículo, foi detido. Ao ser abordado, ele contou que as bebidas pertenceriam a um dos detentos.

A carga foi apreendida. O oficial de dia que autorizou a entrada do veículo que transportava as cervejas será autuado por descumprir as normas da corporação.

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Quartel da PM de Formosa, em GO, é furtado e ladrões levam 51 armas


Cinquenta e uma armas foram furtadas do quartel da Polícia Militar (PM) de Formosa, a 282 quilômetros de Goiânia. A Polícia Civil acredita que o furto tenha acontecido no fim de semana, entre os dias 7 e 9 de outubro, porém a ocorrência só foi registrada pela PM na quarta-feira (12). De acordo com a polícia, os ladrões entraram pelo forro de madeira da sala onde estavam guardados os armamentos. Ainda não se tem informações sobre a autoria do crime.
De acordo com a polícia, as armas faziam parte de materiais que foram apreendidos em ações policiais e estavam à disposição da Justiça. De acordo com o delegado responsável pelas investigações, Carlos Firmino Dantas, entre as armas furtadas estavam revólveres e metralhadores de vários calibres diferentes.


Em entrevista ao G1, o delegado informou que ninguém foi identificado até a tarde desta quinta-feira (13), e que a polícia vai apurar o motivo da ocorrência ter sido registrada somente na quarta-feira. Policiais militares também serão ouvidos. “Nós estamos colhendo as informações. O crime aconteceu provavelmente no fim de semana e só ontem soubemos. Eu quero saber por que houve essa demora. A princípio, todos vão ser investigados”, afirma.
De acordo com a polícia, as armas faziam parte de materiais que foram apreendidos em ações policiais e estavam à disposição da Justiça. De acordo com o delegado responsável pelas investigações, Carlos Firmino Dantas, entre as armas furtadas estavam revólveres e metralhadores de vários calibres diferentes.
Humberta CarvalhoDo G1 GO

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Lutadores do BOPE vencem argentinos em evento de MMA no Rio de Janeiro


Na última quinta-feira, Dia do Soldado, o Batalhão de Operações Especiais (BOPE) mostrou a razão de sua fama e saiu invicto do primeiro evento de MMA realizado num quartel. No "Shooto Lutando no Bope", os dois soldados do famoso batalhão que subiram ao ringue saíram vitoriosos de suas lutas. O público, formado majoritariamente por membros do batalhão, foi ao delírio com as vitórias. O evento foi realizado no quartel da unidade, em Laranjeiras, e contou com um público de 700 pessoas.

Os vencedores do BOPE foram o soldado Gonçalvez e o cabo Félix, que derrotaram os argentinos Guillermo Alejandro e Juan Pablo Cordoba. Celebridades da MMA como José Aldo, Royce Gracie e Urijah Faber prestigiaram o evento na plateia.

Blog Faixa Preta/Jornal do Brasil