Seguidores

Mostrando postagens com marcador rodovias. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador rodovias. Mostrar todas as postagens

domingo, 13 de outubro de 2013

Uberlândia: Excesso de roubos em Rodovias geram escoltas armadas aos ônibus

Empresas de ônibus fretados  contratam escolta armada

foto: Marcos Ribeiro

Empresas de ônibus fretados contratam escolta armada proteger cargas nas rodovias


Contratado até há alguns anos para proteger cargas valiosas nas rodovias em Uberlândia, o serviço de escolta armada é utilizado também para garantir a segurança de passageiros de ônibus fretados para viagens de turismo e de compras, em função dos registros de assaltos. De janeiro a setembro deste ano, foram registradas 12 ocorrências deste tipo de crime nos trechos das BRs 365, 050 e 452 sob a jurisdição da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Uberlândia. O número é proporcionalmente menor se comparado com a quantidade registrada no ano passado, que encerrou com 38 assaltos a ônibus na região.

Esta redução, no entanto, não é suficiente para que os donos de empresas de ônibus para fretamento dispensem a escolta. Eles temem pela integridade e pelos prejuízos financeiros. Uma das empresas que têm ônibus escoltado é a de Donizete de Jesus, que faz viagens de compras para São Paulo. No início, a escolta acompanhava a viagem de Uberlândia até a divisa com o Estado, mas um ônibus foi assaltado duas vezes em trechos sem escolta.

“Na volta, não tinha escolta porque eu pensava que eles [assaltantes] não teriam interesse, pois o dinheiro já tinha sido gasto, mas nos roubaram chegando a Uberlândia. Depois, como a escolta ia só até a divisa de Estado, assaltaram perto de Ribeirão Preto, na ida. Hoje, a escolta nos acompanha integralmente, tanto na ida quanto na volta”, afirmou Donizete de Jesus.

Segundo ele, o serviço gera um gasto extra de R$ 10 mil por mês, mas o custo não é repassado para os clientes. “Se eu aumentar o preço da viagem, o pessoal procura outra empresa. Mas não posso viajar sem essa segurança.” Ainda de acordo com o empresário, os trechos com maior risco de roubo a ônibus são toda a região do Triângulo Mineiro, próximo a Belo Horizonte, Cristalina (GO), Goiânia (GO), Ribeirão Preto (SP) e Foz do Iguaçu (PR). “O período da noite é ainda mais crítico”, disse. Continue lendo no Correio de Uberlândia

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

"Alugo rodovias". Estado omisso para fazer, eficiente para sugar o contribuinte



   Para quê pagamos IPVA, taxa de licenciamento? Ingenuamente questionamos, qual a finalidade dos pagamento dos impostos? Por quê pagamos a maior carga tributária do mundo? Por trabalhamos quase a metade do ano só para pagar impostos? Qual a eficiência do Estado na gestão desses recursos? Por quê o Estado "aluga" os espaços públicos como as rodovias? Leia no G1, sobre a privatização das rodovias. Por quê o cidadão tem que ser dupla, triplamente tributado? Essas perguntas são mais oportunas do que as respostas...até porque não há respostas...o "direito de ir e vir" é discriminatório, dentro da lógica falida, (aliás, propositalmente falida) do Estado brasileiro.  Artigo interessante que questiona a legalidade dos impostos nas rodovias