PM "O luto é permanente. Não se passa com 7 ou 30 dias, nem mesmo passará com 1 ou 10 anos. A dor retorna toda vez que me lembro da amizade fiel, das farras e dos momentos difíceis que já passamos. Perder um amigo verdadeiro tão cedo, aos 33 anos, com tanto potencial dentro e fora da PMMG é um sofrimento intenso para os que ficaram. As folgas que não batiam para as cervejadas de amigos e pros 'coretos' entre corintiano e palmeirense e nos impediam de estarmos mais juntos é algo que me faz repensar sobre o cansaço do dia a dia e tentar superá-lo em prol de mais tempo entre amigos apesar da correria.

             Nosso companheiro foi embora em um momento de indignação, revolta e extrema fraqueza emocional devido a uma forte depressão causada pela nossa atividade policial. Deixou família e amigos inconformados, mas deixou ainda a ESPOSA, que está passando por dificuldades financeiras uma vez que a PMMG ainda não repassou a pensão a ela e as notícias são de que ainda vão MESES. Assim CLAMO AOS IRMÃOS DE FARDA, junto com a equipe do blog No QAP, que ajudem a viúva a viver com um pouco de dignidade neste momento de tortura pelo qual ela passa. Repassem a quantia que quiserem. Pouco para nós pode ser muito para ela."

                                                 Descanse em paz meu amigo. Sd Melo

ESPOSA de MILITAR(SD MARTINS) que suicidou durante serviço em CAPINÓPOLIS-MG no dia 24/04 passa por dificuldades financeiras. Irmãos de farda, vamos ajudá-la: ELOÍSA FABIANA FREITAS MARTINS 
 AG:0204-5 C/C: 54055-2 , Banco do Brasil

 Relembre o fato:

Por volta das 17h30min nesta quarta-feira (24), o policial militar Vinicius Martins da Silva, 33 anos, cometeu suicídio.
O ato ocorreu nos fundos do alojamento da Polícia Militar de Capinópolis, situado na Avenida 101, 1187, Centro. O policial atirou contra a própria cabeça, vindo a óbito em loco,  as causas ainda são desconhecidas.
De acordo com informações de testemunhas Vinicius servia em Capinópolis já a seis meses, mas sua família reside em Ituiutaba.