Seguidores

Mostrando postagens com marcador triangulo mineiro. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador triangulo mineiro. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Cresce o índice de crimes violentos no interior de Minas Gerais


A Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) divulgou nesta segunda-feira (15) o balanço de crimes violentos em Minas Gerais. Das três cidades do Triângulo Mineiro, presentes no relatório, duas apresentaram aumento nos índices. No Alto Paranaíba e no Centro-Oeste do Estado o número também teve acréscimo.
A Seds considera como crimes violentos homicídio tentado e consumado, sequestro e cárcere privado, roubo, extorsão mediante sequestro, estrupo tentado e consumado. No Estado, 29 municípios tiveram os números divulgados e somados registraram 42.049 ocorrências. A pesquisa reflete os seis primeiros meses de 2013.
O Triângulo Mineiro representou quase 8% de ocorrências em todo o Estado. Araguari apareceu com 108 registros, uma redução de 27,02% nos crimes violentos se comparado ao mesmo período do ano passado. Já em Uberlândia, o número chegou a 2.284 e em Uberaba, 819.

Em Patos de Minas, no Alto Paranaíba, os registros somaram 192, um aumento de 0,52% em relação a 2012. No Centro-Oeste, Divinópolis apresentou um aumento de 30,95% fazendo os números chegarem a 605.

Confira os dados detalhadamente:
Crimes violentos até junho de 2013: 108
Em 2012 (no mesmo período): 148
Redução: 27,02%

Divinópolis
Crimes violentos até junho de 2013: 605
Em 2012: 462
Aumento: 30,95%

Crimes violentos até junho de 2013: 192
Em 2012: 191
Aumento: 0,52%

Crimes violentos até junho de 2013: 819
Em 2012: 748
Aumento: 9,49%

Crimes violentos até junho de 2013: 2.284
Em 2012: 1.762
Aumento: 29,62%

Fonte: G1

sábado, 15 de junho de 2013

Quartel do Triângulo Mineiro cobrará taxa para estacionamento de militar

Eita Triângulo Mineiro

Senhores, 

Visando implementar o contido no Memorando Nr 4.028 (POSTO DE GUARDA DO AQUARTELAMENTO) especificamente no ítem 2.1.1.2, determinou-me o chefe da P/4 do  BPM de informar que já se encontram disponíveis na  Cia PM para aquisição por parte dos militares as credenciais de acesso ao interior do  BPM. Para aquisição os militares deverão apresentar o CRLV 2013 do veículo e a referida CARTEIRA NACIONAL DE HABILITAÇÃO. Adianto-vos que a credencial será adquirida as expensas do militar que desejar estacionar o veículo no interior do BPM, valor de R$ 7,00 (sete reais). O prazo para adquirir a credencial: 21/06/2013 às 17h. Adianto-vos que a partir de 24/06/2013 não será mais permitida entrada com veículo dentro do aquartelamento sem a devida credencial. 

Solicito dos senhores comandantes e chefes de seção ampla divulgação junto aos seus comandados. 

Respeitosamente, 


  Comento: Ministério Público neles!!! O pior não é só isso...é que quem questiona, como este blogueiro, ainda corre o risco de ser indiciado em crítica indevida...sujeito a abertura de IPM - Inquérito Policial Militar...e salve a "Caverna de Platão"...

quarta-feira, 13 de março de 2013

PF já apreendeu 1.300 kg de pasta base de cocaína neste ano no Triângulo Mineiro

No avião interceptado no sábado, foram encontrados 447 kg de entorpecentes e, anteontem,  a PF localizou em um sítio o resto da carga trazida pelos traficantes (PFMG/Divulgação)


O Triângulo Mineiro está no epicentro do tráfico internacional de drogas. A região, rota estratégica de criminosos peruanos, bolivianos e colombianos, principalmente por causa do grande número de campos de pouso clandestinos, viu a quantidade de droga apreendida no ano passado saltar 700% na comparação com 2011. Foram 1.750 quilos de pasta base de cocaína em 2012 – maior apreensão do país –, contra 250 quilos no ano anterior. A ousadia das quadrilhas já fez com que o volume de entorpecente apreendido este ano se aproxime da quantidade interceptada pela Polícia Federal (PF) no ano passado. Nos primeiros dois meses e 11 dias de 2013, o órgão já contabiliza 1.300 quilos da droga apreendida, o equivalente a 74,2% dos 1.750 quilos recolhidos em 2012. A última ação da PF contra as quadrilhas de traficantes, anteontem à noite, terminou com a apreensão de 548 quilos de pasta base de cocaína trazida da Bolívia. A droga foi encontrada em um casarão abandonado na zona rural de Uberlândia.

A ação da PF foi continuidade de uma operação feita no sábado, quando agentes interceptaram um avião bimotor carregado de pasta base de cocaína que pousou em Indianópolis, a 60 quilômetros de Uberlândia. A operação foi deflagrada após recebimento de denúncia anônima informando que dois aviões pousariam em uma pista clandestina na região. “A primeira aeronave conseguiu pousar, mas, como os policiais sabiam do comboio, esperaram a chegada da segunda”, informou o delegado Carlos Henrique Cotta D'ângelo, da Delegacia de Polícia Federal de Uberaba.


Na ação, sete pessoas foram presas e 447 quilos de pasta base foram apreendidos. O piloto da segunda aeronave tentou fugir e na manobra quase atropelou os integrantes do bando. Ele morreu na fuga, baleado pelos policiais. O primeiro avião conseguiu deixar o local. Um homem fugiu levando os 548 quilos do entorpecente, que já haviam sido transferidos do bimotor para um carro.

Em busca da cocaína, os agentes fizeram um rastreamento na região. Juntando fragmentos de informações coletadas com a comunidade e recebidas via denúncia anônima, eles chegaram até um casarão em uma chácara em Uberlândia, onde vários carros da quadrilha estavam estacionados. Os bandidos perceberam a chegada da polícia e fugiram, mas a carga foi apreendida. De acordo com o delegado, os 548 quilos de pasta base poderiam render até uma tonelada de cocaína para venda no varejo. Os dois carregamentos foram levados para a sede da Polícia Federal em Uberlândia e avaliados em R$ 10 milhões. Toda a droga seria incinerada ainda ontem, após a liberação da Justiça. Continue lendo no Estado de Minas

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Operação da PC prende mais 40, envolvidos com roubos de carros no Triângulo Mineiro



A Polícia Civil realizou na madrugada desta terça-feira (6) a operação "Triângulo das Bermudas". A operação é comandada pelo 9º Departamento de Polícia Civil de Uberlândia e envolveu as delegacias regionais de Uberlândia, Araguari, Uberaba no Triângulo Mineiro, além de Catalão, no estado de Goiás.
De acordo com a PC, esta foi maior operação de combate à crimes contra patrimônio na região. O objetivo foi investigar o desaparecimento de veículos. As investigações começaram em janeiro deste ano, depois que uma caminhonete sumiu em Uberlândia.
O delegado Eduardo Leal disse que seis pessas são suspeitas de encomendar roubos de veículos nas cidades citadas."A rota de veículos roubados era Araguari, Uberlândia, Uberaba e Catalão, por isso trabalhamos de forma integrada entre essas cidades", explicou o delegado. Continue lendo no G1:>>>>>>>>