Seguidores

Mostrando postagens com marcador viatura capota. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador viatura capota. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

VIATURA DA PRF CAPOTA EM UBERLÂNDIA - MG

Uma viatura da polícia rodoviária federal capotou na tarde desta sexta-feira(24), na Br-365 km 631, próximo ao trevo de acesso ao bairro Tocantins. Havia apenas um policial no veículo, ele sofreu ferimentos leves e foi socorrido por bombeiros ao Hospital De Clínicas - UFU. A perícia esteve no local, e até o momento não se sabe o que causou o acidente.





domingo, 10 de março de 2013

Viatura prisional capota na BR-262 e sete pessoas ficam feridas em Pará de Minas


Sete pessoas ficaram feridas em um capotamento de um viatura do Sistema Prisional neste domingo (10), em Pará de Minas, na região Central de Minas. O acidente aconteceu durante uma transferência de 22 presos da cidade de Teófilo Otoni, no Vale do Jequitinhonha, para a cidade de Patrocínio, no Alto Paranaíba.
O motorista da Blazer ocupada por três detentos e por quatro agentes penitenciários, perdeu o controle da direção na BR-262, no KM 412 e acabou capotando.

Os feridos em estado grave, foram levados para um hospital da cidade. O agente, Cássio Scolforo Scofield foi transferido em estado grave com traumatismo craniano pelo helicóptero Arcanjo do Corpo de Bombeiros para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII.

Conforme informações da Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi) um agentes penitenciários e um detento continuam em observação no Hospital de Pará de Minas. Os demais forma encaminhados para o Complexo Penitenciário da cidade.

Segundo funcionários do Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, o estado de saúde do agente Cássio Scofield é gravíssimo. A vítima está na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e respira com ajuda de aparelhos.

GABRIELA SALES/O TEMPO

domingo, 17 de fevereiro de 2013

ACIDENTE COM VIATURA – MILITAR NÃO PAGA O DANO


   O acesso a justiça é difícil para os militares, aqueles que se vêem arrolados em processos além de sofrer o estigma e as pré-penalizações, como ficar impedido de acesso, ainda tem que gastar quantias consideráveis no pagamento de advogados. Não existe uma defensoria pública militar, o que seria ideal, já que os processos administrativos e criminais que envolvem militares são bem específicos e complexos. Alguns conseguem assistência feita pela defensoria pública federal. O caso abaixo é uma amostra de sucesso em um desses casos.
No caso de acidentes com automóveis percebemos que seria interessante que todas as viaturas fossem seguradas.
Justiça suspende desconto em soldo de militar por acidente com viatura.
 O Tribunal Regional Federal da 4ª Região manteve decisão liminar pelo fim da cobrança de valores diretamente no soldo do militar M.A.S. devido a seu envolvimento em acidente com viatura em outubro de 2011. Com assistência jurídica gratuita da Defensoria Pública da União em Joinville/SC, o militar conseguiu suspender o desconto de cerca de R$ 800 por mês, em 71 prestações. As parcelas cobradas desde novembro de 2012 serão devolvidas.
O acidente com a viatura de Joinville ocorreu durante missão no Paraná, em passagem por Curitiba. O carro oficial, conduzido por M.A.S., cruzava uma via preferencial quando houve a batida com um veículo civil. A viatura capotou três vezes. Um sargento que exercia a função de chefe de viatura morreu no acidente.
Na ação, a DPU alegou que há dúvidas sobre a culpa do assistido nas análises feitas no inquérito policial militar e no parecer técnico. Testemunhas relataram que o militar foi cauteloso ao cruzar a via e que a visibilidade no local estava prejudicada. A velocidade alta do veículo civil também teria sido fator determinante para o acidente.
O oficial responsável pelo procedimento administrativo sugeriu que eventuais medidas de ressarcimento dos danos materiais aguardassem a conclusão do processo penal militar, por restarem dúvidas sobre a culpa do autor. A conclusão foi acolhida pelo comandante do 62º Batalhão de Infantaria. Apesar disso, a 5ª Inspetoria de Contabilidade e Finanças do Exército determinou a cobrança imediata dos valores, diretamente no soldo do militar.
A quantia de R$ 801,55 representa cerca de 41% do soldo de M.A.S. O desconto comprometia a quitação de dívidas do assistido, como a mensalidade da faculdade, e o pagamento da pensão alimentícia ao filho. De acordo com o defensor público federal Célio Alexandre John, não há respaldo legal ou constitucional no sistema de normas vigentes no Brasil para a cobrança no salário de forma administrativa.
“A União, para se ver ressarcida dos danos supostamente causados pelo autor da presente ação, deveria ingressar com ação ordinária e comprovar a culpa ou dolo do militar, para somente aí exigir o valor que dispendeu pelo ato praticado”, afirma o defensor, na ação. John lembra que o militar sequer foi denunciado na Justiça Penal Militar. “Um processo administrativo, com um contraditório formal, como de praxe nos processo militares, e ainda cheio de dúvidas quanto à culpa, pois há laudos e testemunhos que demonstram a baixa visibilidade no cruzamento, nunca trará a prova necessária de culpa do agente administrativo”, diz.
O valor de uma possível ação de ressarcimento ao dono do veículo civil também era cobrado do assistido. No entanto, o motorista do outro carro envolvido no acidente não buscou indenização até o momento. Para o defensor, “a administração militar adiantou-se no ressarcimento aos cofres públicos, criando uma reserva de caixa”.
A juíza federal Cláudia Maria Dadico concedeu liminar favorável à DPU/Joinville e ao fim da cobrança em janeiro de 2013. A antecipação de tutela foi mantida pelo juiz federal substituto Luciano Andraschko, em juízo de retratação. Após agravo de instrumento interposto pela União, o relator no Tribunal Regional Federal da 4ª Região, desembargador Loraci Flores de Lima, também se posicionou a favor da suspensão dos descontos.
http://sociedademilitar.com – Recebido de Colaborador.
Assessoria de Imprensa - Defensoria Pública da União

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Ambulância dos Bombeiros capota na BR-365 e quatro ficam feridos

Uma ambulância do Corpo de Bombeiros capotou na BR-365, sentido o município de Araguari, no Triângulo Mineiro, neste domingo (27). De acordo com o Corpo de Bombeiros, o veículo seguia para atender uma ocorrência quando houve o acidente. Das quatro pessoas que estavam na ambulância, três sofreram escoriações leves e uma foi levada em estado grave para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU). De acordo com a assessoria de comunicação do hospital, o estado da vítima é estável.

G1-Triângulo Mineiro

terça-feira, 24 de julho de 2012

Caminhão do Exército tomba na Avenida Brasil

Um caminhão do Exército tombou na Avenida Brasil, pista sentido Centro, na altura da Penha, na Zona Norte do Rio, na manhã desta terça-feira. Por causa do acidente, o trânsito ficou completamente parado na via.

Bombeiros e técnicos da CET-Rio estiveram no local. Não há informações sobre vítimas. O Centro de Operações Rio, da prefeitura, recomenda que os motoristas optem pela pista lateral.

domingo, 22 de julho de 2012

Viatura da PM cai em ribanceira e mata adolescente infrator de 16 anos

Um adolescente de 16 anos morreu na madrugada deste domingo (22) em um grave acidente envolvendo uma viatura da Polícia Militar, na BR-365, na zona rural de Guimarânia, no Alto Paranaíba. De acordo com a Polícia Militar, por volta das 2h45, eles passavam pela rodovia, na altura do km 457, e foram atingidos de frente por um veículo que invadiu a contramão. A polícia acredita que o condutor tenha dormido ao volante.

Segundo o boletim de ocorrência, no carro estavam cinco pessoas, sendo dois militares, dois menores e a mãe de um deles.  Com o impacto, a viatura, lotada na cidade de Guimarânia e com placas de Belo Horizonte, capotou várias vezes, caiu em uma ribanceira e ficou destruída. Os adolescentes eram conduzidos à delegacia após cometerem um furto na cidade.

Quando o Corpo de Bombeiros chegaram ao local, depararam com a viatura ainda na ribanceira e com o adolescente do lado de fora, já sem vida. Os demais ocupantes conseguiram sair do carro com ferimentos leves. O motorista que supostamente dormiu ao volante não se feriu. Os feridos, após os primeiros socorros ainda no local, foram encaminhados para o Pronto Socorro de Patrocínio. Todos já receberam alta.

Sem parentes


Até às 11h deste domingo, a polícia ainda não tinha encontrado os parentes do adolescente morto. Segundo a PM, a mãe dele mora e Uberlândia.


O jovem estava na cidade de Guimarânia, há várias dias, e dormia na casa de amigos. 

MÁBILA SOARES
Siga em: twitter.com/OTEMPOonline


sábado, 19 de maio de 2012

EM SALVADOR: VIATURA DA PMBA CAPOTA E TRÊS POLICIAIS FICAM FERIDOS

Três policiais da 26ª CIPM ficaram feridos após viatura capotar na Rua Caiçara, em Brotas, na manhã deste sábado (19). Os militares foram encaminhados ao Hospital da Bahia e tiveram ferimentos leves. 

Segundo a policial militar, coordenadora da área de Brotas, Yara Reis, estavam no carro 2 políciais homens e 1 mulher. "Os três estão conscientes e sofreram ferimentos leves, apesar de reclamar de dores na cabeça e no peito".

De acordo com a coordenadora, a viatura estava subindo a Rua Maria Romana Calmon, quando o outro veículo no sentido contrário descia a ladeira, "ao dar espaço para o veículo passar, a viatura derrapou e caiu".

"Estamos aguardo a perícia, para retirar o veículo do local", disse a policial Yara.

sábado, 14 de abril de 2012

Carro da Polícia Civil capota na Dutra e preso foge


Um carro da Polícia Civil do Rio capotou na tarde desta quinta-feira (12) na rodovia Presidente Dutra, na altura de Queimados, na Baixada Fluminense. A informação é da PRF (Polícia Rodoviária Federal).

De acordo com as primeiras informações, a viatura da Delegacia de Resende (89ª DP) estava com dois policiais e três presos. Algemado, um dos suspeitos teria tentado assumir a direção do veículo. O carro bateu em um caminhão e capotou em seguida.

Segundo a PRF, os policiais e dois suspeitos ficaram presos nas ferragens da viatura.

Um dos presos teria conseguido fugir. Agentes da PRF vasculham o local em busca do foragido. Um helicóptero dá apoio à ação.

Os feridos foram levados para o Hospital Geral de Nova Iguaçu (Posse), na baixada. Ainda não há informações sobre o estado de saúde das vítimas.