Seguidores

terça-feira, 24 de março de 2015

Candidato ao curso de formação da PM morre durante teste físico

A entrada do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças, em SulacapUm candidato ao Curso de Formação da Polícia Militar do Rio morreu, na tarde desta segunda-feira, após passar mal durante o exame físico que era realizado nas dependências do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (Cfap), em Sulacap, na Zona Oeste do Rio. Diego Rodrigues de Queiroz, de 29 anos, chegou a ser levado para a UPA de Realengo, mas não resistiu.

De acordo com a assessoria de imprensa da PM, Diego passou mal quando participava da “corrida de 12 minutos", e precisou de atendimento. A equipe de paramédicos do Grupamento Especial de Salvamento e Ações de Resgate (GESAR) estava acompanhando os testes, prestou os primeiros socorros e conduziu o rapaz numa ambulância até a UPA. Ainda segundo a assessoria, o comandante do Centro de Recrutamento e Seleção de Praças (CRSP), tenente-coronel Roberto Bandeira de Melo, informou que o candidato havia apresentado atestado médico comprovando estar apto para a execução da atividade física prevista no edital.  Continue lendo jornal Extra

repórter Carolina Heringer 


2 comentários:

Ricardo Oscar vilete Chudo disse...

Desde que os exames fisicos admissionais foram passados para responsabilidade e custo dos candidatos, este risco vai sempre existir.

Seiferist disse...

Ele esteve no exército por 7 anos inclusive em missão no haiti, estava terminando a faculdade de educação física e o laudo da necropsia apontou que ele não tinha nada.